Postado por : Thainá Cristina 17 janeiro 2014


Título: Veneno
Saga: Encantadas - Livro 01
Autora: Sarah Pinborough
Editora: Única
Páginas: 224
Resenha por: Thainá Cristina
Quem não conhece a história de Branca de neve? De sua beleza intocável e imaculada, da perda de sua mãe e de seu sofrimento nas mãos de sua invejosa madrasta? Mas em VENENO, escrito pela autora Sarah Pinborough, esse conto que sempre julgávamos conhecer de trás para frente será mostrado de uma outra maneira! Esqueça tudo que você já leu da Bruxa má e da jovem e inocente Branca de neve. Aqui todos tem seu lado humano e pervo de ser. Até Lilith (a rainha má e bitch mor do pedaço). Bem, pelo menos até certo ponto...

A vida da jovem Lilith não é muito fácil. Fora obrigada por seu pai a abandonar seu lar, sua família e sua terra natal para se salvar de uma iminente fogueira se casando com um rei, já que descende de uma família com magia no sangue e desde muito nova a pratica. Conquistar o rei fora tarefa fácil, o difícil é aturar sua filha Branca de Neve com seus hábitos inadequados e o coração de seu mais novo povo.

Tudo muda quando o rei vai para guerra e Lilith vê nessa oportunidade o seu momento de "brilhar", o que acaba sobrando para a jovem Branca de neve, que é alvo de seu ciúme e de sua inveja e para o seu povo, já que percebe que não poderia ter o amor deles. A rainha então decide conquistar um outro sentimento muito mais forte que o amor deles, o medo.


Lilith vê no casamento a oportunidade de se livrar da jovem Branca de neve que encanta a todos e resolve dar um baile e convida a todos os belos príncipes do reino, mas Branca de neve não está tão disposta assim a se casar e se lembra que eu disse que era pra esquecer tudo que você já havia lido sobre esse conto? Bem, aqui Branca de neve não é tão alva assim como a neve e nem muito inocente, além de ser uma biriteira de primeira! Os anões que o diga! O caçador então cof cof

A partir desse momento a rainha vê que a única maneira de se livrar de Branca seria a morte...

O livro é narrado em terceira pessoa, o que é ótimo e mostra os dois lados da moeda e não somente uma bruxa má e uma jovem injustiçada como mostra os contos infantis tradicionais que são sempre cheios de retoques sobre a essência do ser humano e é sempre tudo no preto e no branco, ou é do mal ou é do bem. A autora quis mostrar algo mais real, a história por diversos ângulos, como uma bruxa que se arrepende de muito de seus atos e uma princesa nem tão pura assim o que eu gostei bastante! Mas nem com essa ideia super original da autora, e essas diferenças nas personalidades dos personagens trouxeram, para mim, uma leitura muito agradável.

Eu tinha enormes expectativas com o livro, sério uma princesa biriteira, era certo de que eu iria enfim tirar toda a minha cisma em cima do personagem, já que independentemente de que releitura fosse, para mim, Branca de neve sempre foi mimada e chata! Mas não foi dessa vez.

A leitura é envolvente até certo ponto e o fato de ter gostado bastante da ideia da autora foram os fatores de ter dado uma nota 3 para esse livro, mas ainda assim achei que a autora pecou e MUITO na narração, já que gosto de uma coisa mais rápida, concreta e direta. A história para mim demorou para pegar o ritmo, o que achei que iria melhorar com o passar das folhas, mas quando dei por mim o livro já havia chegado ao fim e com diversos furos na história, que pelo que pude ver não serão revelados em "Feitiço", segundo volume da saga, já que este terá o foco na releitura do clássico Cinderela.

Já o trabalho da editora Única está belíssimo, disso não tenho do que reclamar! Desde da capa ao marketing a equipe da editora está de parabéns! O design gráfico do livro é belíssimo, as ilustrações no inicio e no fim de cada capítulo dão um mega charme a edição ;)


Curta a editora Única no facebook

Comentários
3 Comentários

{ 3 comentários... comente você também }

  1. Acho impossível uma capa mais representativa que essa. Mesmo que não houvesse o menor interesse no enredo, esse é um livro que eu teria apenas pra enfeitar a estante. rs Antes de começar a ler, quando peguei ele, fiquei fascinada com a beleza da capa. A editora Única realmente caprichou em termos estéticos e também na diagramação, tudo muito perfeito. Falando sobre o enredo, eu adorei a proposta da autora. Desde criança, os contos de fadas nos direcionaram a uma ideia um pouco sonhadora, digamos assim. Personagens perfeitos, conflitos e sempre um final feliz. Achei interessante a autora humanizar um pouco mais as personagens, deixando claro que todos nós temos defeitos e motivos para sermos da forma que somos. A personagem que mais me impressionou foi sem dúvidas o príncipe. Ultimamente ando evitando séries, mas a Saga Encantadas é uma que lerei. Estou ansiosa para ler os outros volumes, espero não me decepcionar.

    ResponderExcluir
  2. Nossa eu gostaria muito de ler o livro, e como você também gosto de uma coisa mais rápida, e que chato saber que há furos, e que o próximo livro não irá explicar essas coisas do primeiro, mas mesmo assim estou super curiosa para ler o livro, a capa é linda e a proposta parece ser muito boa, eu amo contos de fadas e só imaginar eles contados de uma forma totalmente diferente já me deixa ansiosa. Não vejo a hora de pode começar a ler essa saga.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  3. Oi amiga!

    Eu comprei os dois livros dessa saga já lançados, chegou aqui esses dias. Planejo ler em breve. Acho que eu vou gostar, apesar de que prefiro o mesmo estilo de narração que você... Adoro releituras dos contos de fadas, e eu até que gosto da branca de neve haha. Veremos o que vou achar, pelo menos já controlei as expectativas.

    Beijos
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

^

- Copyright © 2013 Quatro Amigas e um Livro Viajante - Hospedado pelo Blogger -