Postado por : Unknown 06 abril 2013


Título: Esplendor da Honra
Autora: Julie Garwood
Páginas: 416
Editora: Landscape
Resenha por: Tainara Rodrigues
Simplesmente me apaixonei por esse livro!!!

O livro é ambientado na idade média onde havia muitas disputas e vinganças. E já no primeiro capitulo você se apaixona pelos protagonistas dessa maravilhosa história.

Na história conhecemos Lady Madelyne. Uma moça ingênua, bondosa, imprevisível, apaixonante, que fala somente a verdade e diz tudo que pensa. Irmã do perverso Barão Louddon, de quem o Barão Duncan de Wexton, um guerreiro destemido, duro, mas ao mesmo tempo carinhoso e super protetor, mas que todos temem, conhecido como “o Lobo”, quer vingança pelo que ele fez a sua irmã.

O barão Duncan arquiteta um plano para destruir o Castelo e sequestrar a irmã de Louddon para usa-la como isca, só que sem saber, claro, desse plano, em um ato de coragem Madelyne vai salvar Duncan indo direto para seu captor e assim selando seu destino

A expressão no rosto do barão produziu nela um arrepio de terror que lhe percorreu a espinha. Ela balançou a cabeça, recusando-se a aceitar o que estava acontecendo.

Foi então que o guerreiro respondeu:
— Eu não vim aqui por causa de Louddon, Madelyne. Vim te buscar.

No decorrer da historia, Madelyne e Duncan vão se conhecendo e se apaixonando, o que nos trás muitos sorrisos porque nossa heroína é a única que não teme o terrível “Lobo”, o que deixa Duncan abalado, e ela com seu jeito ingênuo sempre fala o que pensa, o que nos proporciona diálogos muito engraçados. Ainda temos personagens coadjuvantes que na minha mera opinião deveriam ter suas histórias, como: os irmãos de Duncan, seu braço direito Anthony e o amigo Gerald.

— Tu me capturaste, Duncan. Foi tua decisão — anunciou ela. — Agora tenho uma decisão minha a te comunicar. Quero continuar cativa. Será que estou sendo clara?
— Duncan, não vai conseguir se livrar de mim com tanta facilidade.
— Não te atrevas a instruí-lo para me obedecer, Madelyne, senão te juro por Deus que agarro esta tua cabeleira ruiva e a amordaço com ela.
Duncan decidiu que sua ameaça não a tinha deixado suficientemente perturbada. Ela não agia de maneira nem um pouco dócil.
— Como ousas insultar-me? Meus cabelos não são ruivos, e tu sabes disso muito bem. São castanhos — berrou ela. — Ter cabelo ruivo dá azar, e os meus não o são dessa cor.

Um livro cheio de intriga, vingança, honra, lealdade, risos e acima de tudo amor. O final do livro não poderia ter sido mais perfeito. O único ponto negativo acredito para alguns leitores seria a escrita do livro, por ser bem medieval pode-se achar cansativa, mas acho que o livro vale esse esforço. A Editora Landscape está de parabéns pela linda capa e pela ótima tradução.

Recomendo!!

 Madelyne estreitou o rosto do marido entre as mãos.
— Tu levas meu coração contigo, meu adorável captor.
— Não, Madelyne, eu é que sou teu cativo, de corpo e alma.

Comentários
6 Comentários

{ 6 comentários... comente você também }

  1. Eu AMO esse livro! *_*
    Foi um dos primeiros históricos que eu tive o prazer de ler, e me apaixonei completamente!
    Adorei tua resenha! <3

    :*
    Mi
    Inteiramente Diva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Mireliinha. Esse livro é maravilhoso mesmo ... adoro ele de paixão .. a história além de ter intriga e amor ... é muito divertida. Amooo!!!

      Excluir
  2. Nunca tinha ouvido falar desse livro, nem dessa editora, rsrsrs, mas é como dizem não se pode julgar assim. Às vezes esse tipo de livro mais desconhecido é bem melhor que os que estão por aí fazendo sucesso na mídia. O que eu posso dizer?? Fique curiosa >.<

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. uahauhua você está certa. Eu conhecia a editora, mas não o livro e nem a escritora :)

      Um exemplo é 50 shades haha

      Excluir
  3. Admito que não curto muito romances e muito menos romances históricos, mas esse até que me interessou ._. parece que vai além do romance. tem a parte, realmente, histórica que dá uma jogada a mais na história :) curti

    ResponderExcluir
  4. Nossa! Acredita que nunca ouvi falar sobre este livro? Inacreditável e eu gosto muito de históricos. Como assim? Anotando aqui AGORA! Enfim... Essa questão da escrita poder ser um pouco cansativa acho que é o de menos, já que vários livros que não abordam essa temática histórica são cansativos demais. Então acho que isso só contribui com o enredo deste :)

    ResponderExcluir

^

- Copyright © 2013 Quatro Amigas e um Livro Viajante - Hospedado pelo Blogger -